O vendedor digital - Luciano Rêgo
 Em Blog

Trabalhei mais 20 anos na área comercial (negócios e marketing) de grandes empresas do setor agropecuário. Pude ver a tecnologia pouco a pouco fazer parte da rotina destas empresas. Desde o antigo telex na década de 80, o fax na década de 90 e a internet pouco depois disto. É inevitável o uso da tecnologia nos negócios. E o profissional de vendas neste contexto? Como fica? A boa notícia é que quase nada mudou, apenas as ferramentas.

Tenho um amigo, consultor e palestrante de vendas em Recife, o Antonio Braga (Sagracv). Trabalhamos juntos na Bayer naquela época ainda do fax. Comungo com ele quando fala do vendedor moderno como um ser diferente do que existia no passado. Trata-se de um ser mais atento ao mercado e aos clientes. Mais consultor que vendedor. Atento as necessidades dos clientes ainda não satisfeitas ou que podem ser melhor atendidas pelos seus produtos e/ou serviços. Para isto, ele precisa de informações, precisa maximizar seu tempo através de uma programação bem feita, precisa também se aproveitar dos novos canais de comunicação para aqueles clientes que estão usando – técnicas de marketing digital. Abaixo estão algumas sugestões (tecnol?gicas ou não…):

– Uma boa agenda, seja ela de papel ou eletrônica. Qual a ideal? Depende do negócio, depende da pessoa. Porém, deve-se desenvolver uma metodologia para aproveitar o tempo (este recurso cada vez mais escasso)

– Um bom controle de clientes/vendas – com sistema ou não

– E-mail próprio se ele for representante autônomo (os e-mails gratuitos são para quem está começando (acho que nem para estes!)).

– Usa o E-mail como ferramenta ativa de marketing (Gestão de lista e/ou mailing) – Saber usar de forma inteligente esta ferramenta maravilhosa.

– Um site bem posicionado comercialmente (seja da empresa ou do representante)

– Redes sociais, desde que programado e usadas adequadamente

– Propaganda online (propaganda paga na internet)]

– Outras técnicas de marketing digital

Ahh! Tudo isto é apenas complementar. Conhecer os produtos e serviços, ter estratégia clara de vendas e as outras técnicas para se vender bem, são a base de tudo. Propaganda e relacionamento sem conteúdo, sem “substância” de nada adiantam. Consulte mais sobre marketing digital em www.agiste.com.

E este negócio do vendedor digital? A final o que é? Nada mais que o bom profissional de vendas usando a tecnologia em seu favor. Usando as ferramentas tradicionais de relacionamento e vendas, auxiliadas pelas ferramentas disponibilizadas pela tecnologia.

Boas vendas!

Luciano Rêgo, vendedor, mba em marketing, agrônomo, PMP – profissional em gerenciamento de projetos

Comentários
Posts Recentes
Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Not readable? Change text.

Start typing and press Enter to search